E a guerra entre editoras se inicia!

Olá a todos! Bem, este post será sobre um assunto que particularmente me interesso muito. (pois no futuro quero trabalhar em uma editora de mangá) E não preciso explicar muito, pois o titulo diz tudo: Estamos ainda em março de 2011 e a guerra de editoras pelo titulo de "melhor editora de mangás do Brasil" já começou. Sim! Estamos falando sobre duas editoras em particular: A querida e amada (?) JBC e a atual possuidora deste titulo cobiçado, a italiana Panini.

Em janeiro de 2011, a editora amada (?) JBC já colocou nas bancas de todo o país (apesar de que em muitas cidades do Brasil nem banca tem...) o aguardado título pelos fãs de mecha, Code Geass. No mesmo mês, a mesma anunciou a aquisição de um titulo não muito conhecido no país. Bem, o filme era conhecido, mas o mangá não. Estamos falando de Summer Wars.
Foi então que o contra-ataque aconteceu. E para arrebentar a confiança da JBC, a Panini anunciou o shoujo mais forte do momento. Estamos falando de nada menos que Kimi ni Todoke. Realmente, um soco na cara da JBC. Mas isso não foi tudo. Sim! A Panini, querendo detonar totalmente a "amiguinha" já no início do ano, anunciou mais três mangás: Darker than Black (mangá paralelo ao anime), 07-ghost e mais um grande shoujo de sucesso, Kaichou wa Maid-sama! (nem comentando que esse é o ano de aniversario da JBC...). Para contra-atacar, a JBC, sem idéias, anunciou um mangá pouquíssimo conhecido no país: Gai-rei. Agora, com uma provável jogada de anunciar um mangá por mês até outubro (10 meses = 10 anos da editora, esperto não é?), a JBC deixa os otakus na espera pelo próximo titulo sacrificado. E assim, a guerra continuara até o fim do ano.
Eu não exagerei quando disse que a JBC sacrifica títulos. Por acaso alguém ignorou os erros grotescos de Code Geass , a linguagem mais do que não-padrão em Fairy Tail e as gírias esquisitas de Tenjou Tenge? (Alguém, por favor, tire o Briggs da tradução!). Sou bem seca quando o assunto é editoras brasileiras de mangás. E digo na lata: A JBC tem a pior tradução e edição, a Panini tortura seus leitores com datas loucas e distribuições setorizadas e o resto das editoras não conseguem se destacar por causa das duas acima (uma menção honrosa a NewPop. Sua galinha de ovos de ouro, Hetalia, tem uma qualidade impecável. Finalmente, um mangá onde as folhas não são de papel-jornal, e sim de qualidade. Além de paginas coloridas! NewPop, continue assim).Mas sem entrar profundamente no assunto JBC (farei o post só sobre os defeitos de editoras), irei dar alguns palpites sobre novos títulos que a Panini e a JBC poderiam pegar:
. Ao no Exorcist - JBC (se eles soubessem como fazer uma jogada de marketing - mesmo que ilegal - inteligente, já que o anime será lançado em abril deste ano)
. Bakuman - JBC (apesar de rezar para que a Panini pegue este titulo. Fãs querem qualidade em Bakuman)
. Nodame Cantabile - Panini (torço, espero, rezo. Sou fã louca por Nodame! A Panini poderia fazer uma jogada de marketing por causa da estréia do anime no Animax e, como Honey & Clover acabou esse mês, precisamos de um novo josei!)
. Koukou Debut - Panini (Um shoujo já finalizado, sucesso no mundo inteiro e renderia muito dinheiro, pois existem vários fãs escondidos no país)
. Special A - Panini (Um sonho, não custa ter esperança... Apesar dos seus 16 volumes)
. Kyou, Koi wo Hajimemasu - Panini (porque a JBC não trás shoujo... Idiotas)
. Kobato - JBC (um trabalho da CLAMP = JBC)
. Rosario + Vampire II - JBC (Eles estão trazendo a primeira série, é obvio que a segunda vem. Ainda mais com o sucesso nos EUA...)
. Detective Conan - Panini (aposta pessoal. Pode ter um número assustador de volumes - 71 até o momento - mas não custa nada sonhar...)
. Hero Tales - JBC (Outro trabalho de Hirumo Arakawa, autora de Fullmetal Alchemist)
. Gintama - Panini (POR FAVOR. Já está atrazado...)
. Katekyo Hitman Reborn! e Soul Eater - Panini (Falaram ano passado, era trollagem, mas acho que esse ano vem)
. Chou yo, Hana yo ou Hapi Mari - Panini (ambos são joseis e são um sucesso no Japão. Torço muito por eles)
. Yankee-kun to Megane-chan - JBC (A autora era assistente de Hiro Mashima, autor de Fairy Tail, e a historia é bem legal.)
. The World God Only Knows - JBC (não quero que seja pela JBC, mas pelo sucesso, é bem provavel)
. Kuroshitsuji - NewPop (sucesso no mundo , sucesso no Brasil)
. Junjou Romantica - NewPop (Yaoi que ela prometeu, espero)
. Pandora Heats - Panini (como ainda não veio?)
. Alice in the country of the Hearts - NewPop (Sucesso nos EUA, tem que vir)
. Lovely Complex - Panini (Tá demorando, mas esse ano vem)
. Hana Yori Dango - Panini (outra aposta pessoal. Número de volumes assustador - 36...)
. Light Novels como Haruhi Suzumiya, Gosick, Spice and Wolf, etc - Newpop (Está na hora do publico otaku brasileiro conhecer lights novels!)

Estas são minhas apostas iniciais para 2011. Porém, como todos sabem, as editoras adoram pegar o publico de surpresa (especialmente a Panini). Então, todos fiquem de bolsos preparados, pois se tudo der tudo certo, este ano os otakus serão levados a falência.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

About Me

Minha foto
Rah
Apenas alguém que gosta de escrever suas opiniões.
Visualizar meu perfil completo

About this blog

Quer ler sobre anime, mangá, doramas (coreanos e japoneses), kpop/krock/jpop/jpop, entre outras coisas? O Special Days é um blog onde a cultura japonesa, coreana e devaneios da autora Rah Walker se encontram para lhe proporcionar momentos especiais e/ou uma boa leitura!

Espero que goste do blog e tenha uma boa leitura!

Parceria

Está querendo fazer parceria com o blog Special Days? Envie um e-mail para rahwalker007@gmail.com com seu nome e endereço do blog!

Estou Assistindo (Animes)

  • Free! - 01/12
  • Kuroko no Basket - 02/25
  • Tonari no Kaibutsu-kun - 06/13

Archive